Atenção Odontológica Domiciliar

Como anda a saúde bucal de nossos pacientes com deficiência?

dentista11

Da mais tenra infância até uma idade mais avançada, os pacientes com deficiência, ou “pacientes com necessidades especiais” como também são denominados precisam de cuidados multidisciplinares, com a participação médica, e de áreas de saúde como fisioterapia, terapia ocupacional, fonoaudiologia, psicologia, entre outras…

E a Odontologia não pode ficar de fora, né? Como todos sabemos, a saúde começa pela boca, e muitas são as situações onde um comprometimento da condição bucal pode prejudicar a saúde geral dos pacientes. Como um indivíduo com algum problema bucal como dor ou infecção dentária poderá alimentar-se bem, mastigando e engolindo adequadamente? Será que ele estará totalmente disponível para fazer as terapias se não estiver bem de saúde? Já imaginaram uma sessão de fonoaudiologia em um paciente que não higienizou corretamente os dentes e está com doença/sangramento gengival? E aquele idoso que não quer se alimentar mais… será que o problema não está na boca? Sabemos que muitas vezes o paciente não consegue externar o problema que o incomoda, seja por dificuldade de identificar de onde vem o “desconforto” ou mesmo por dificuldades em sua comunicação.

dentista2

Neste momento o dentista tem papel fundamental na avaliação, diagnóstico de problemas bucais, orientação e tratamento destes pacientes. Como Cirurgião  Dentista que realiza atendimento a pacientes com deficiência, diversas vezes nos deparamos com a necessidade de realizar atendimento domiciliar. Na maioria dos casos é possível a realização de procedimentos odontológicos na casa do paciente, mantendo a atenção e qualidade que dispensamos normalmente em clinicas ou hospital, buscando uma atenção básica preventiva e curativa, com a interação e participação dos familiares responsáveis e dos cuidadores. Hoje em dia o cirurgião dentista dispõe de técnicas, materiais e equipamentos que facilitam este atendimento domiciliar, além do uso de recursos de comunicação suplementar alternativa, tecnologia assistiva e adequação postural para facilitar o cuidado do paciente durante o tratamento.

dentista

Eventualmente as limitações do paciente, especificidade do tratamento clinico necessário, e da infraestrutura nos obrigam a sugerir o deslocamento do paciente para o ambiente ambulatorial (clínica) ou hospitalar (em centro cirúrgico sob sedação e tratamento em sessão única), mas como disse nossa rotina de atendimento domiciliar geralmente atende as necessidades do paciente e família, com a vantagem de podermos discutir diretamente com a equipe multiprofissional que o assistem sobre as questões clínicas.

Nossa proposta é oferecer aos pacientes, familiares, e equipe médica multiprofissional as condições necessárias para a recuperação e manutenção da saúde bucal do paciente e melhora da qualidade de vida destes indivíduos.

 

 

Colaborou com o ReabHome: escrever-artigos

Dr. Marcelo Furia Cesar – Cirurgião Dentista 
Graduação em Odontologia pela UNESP São José dos Campos em 1988, Especialista em Odontopediatria (Bebês e Crianças) pela UNESP São José dos Campos em 1992, Mestre em Ciências da Saúde pela Universidade de Taubaté. É Cirurgião Dentista com 27 anos de experiência em Clínica Geral, Odontologia Infantil, Cirurgia Odontopediátrica e Odontologia para Pacientes com Deficiências, e atuou por 18 anos em Instituição de Reabilitação para Bebês, Crianças, Adolescentes e Adultos com necessidades especiais. 
Contato: contato@qualismais.com.br 

Comentários